DOMINGO, DIA 3

Passei um domingo enriquecedor com a bíblia da Coelhinha, ou o Manual da Coelhinha do Playboy Club, seu nome oficial. Da introdução (“Você tem o melhor emprego do país para uma jovem”) ao apêndice (“Sidecar: Passe limão na borda do copo e polvilhe com açúcar”), é um modelo de clareza.

Há pelos menos uma dúzia de suplementos que acompanham a bíblia. Ao todo, dão uma idéia bem vivida das funções de uma Coelhinha. Por exemplo:

.. .Você… é o único contato direto que grande parte dos leitores jamais terá com os funcionários de Playboy… Dependemos de nossas Coelhinhas para expressar a personalidade da revista.

…É esperado que as Coelhinhas contribuam com um número razoável de aparições pessoais como parte de suas obrigações para com o clube.

…É bom lembrar às Coelhinhas que há maneiras muito agradáveis de aumentar o volume de bebidas alcoólicas consumidas no clube e assim aumentar os ganhos pessoais de cada uma, significativamente. A chave para uma maior venda de bebidas é o Contato com o Cliente…eles reagirão bem à sua tentativa de ser simpática… Deve fazer com que pareça que as opiniões do cliente são muito importantes…

…O Sistema de Incentivo é um método criado para recompensar as Coelhinhas garçonetes que se esforçam um pouco mais… A Coelhinha com a maior média de bebidas vendidas por cabeça vencerá… Prêmio em dinheiro… a ser determinado pelo lucro geral com bebidas.

Há um problema em ser “simpática”, em “mimar” o cliente e ao mesmo tempo se recusar a sair com ele ou até mesmo a lhe dizer seu sobrenome. O manual deixa bem claro que as Coelhinhas não deverão jamais sair com alguém que conheceram no clube — cliente ou funcionário — e acrescenta que uma agência de detetives chamada Willmark Service Systems, Inc. foi contratada para se certificar de que tal não ocorreria. (“E claro que não há como saber se você está sendo vigiada por um representante da Willmark Service.”) A explicação dada às Coelhinhas é simples: “Os homens ficam muito empolgados em ter Elizabeth Taylor como companhia, mas eles sabem que não podem tocá-la ou fazer-lhe propostas. No momento em que eles sentirem que alguma intimidade foi estabelecida, ela perderá a aura de glamour que a envolve. É assim que deve ser com nossas Coelhinhas”. Numa carta anexa, escrita por Hugh Hefner e endereçada à Willmark, a explicação é ainda mais simples: “Nosso alvará de funcionamento é ameaçado cada vez que um de nossos funcionários se envolve diretamente, auxilia ou é cúmplice de atos de prostituição…” Assim a Willmark ficava instruída para “Usar seus representantes mais atraentes e simpáticos para fazer propostas às Coelhinhas e até mesmo oferecer quantias no valor de US$ 200,00, com a promessa de um encontro mais tarde fora do clube”. Os representantes da Willmark são instruídos a perguntar ao barman ou a qualquer outro funcionário homem “se algumas das meninas estão disponíveis para uma ‘noite divertida’… Diga a ele que você a pagará bem ou então a ele por arrumá-la”. Se o funcionário funcionar como “procurador”, a Willmark deverá notificar ao clube imediatamente. “Nós, naturalmente, não toleraremos que nossas Coelhinhas sejam comercializadas”, escreve o sr. Hefner. “E ansiamos por saber se tais coisas estão ocorrendo.”

Se a idéia de ser comercializada não for o bastante para assustar qualquer candidata a Coelhinha, há outras sugestões que o farão. Os representantes da Willmark estão incumbidos de verificar se o| saltos usados estão muito baixos, se as meias estão com o fio puxado, se usam bijuterias, se as calcinhas estão à mostra, se as orelhinhas estão tortas ou se não combinam com a fantasia, se a mesma está suja, se a Coelhinha esqueceu de usar crachá e se os rabinhos estão “de acordo”. Além disso: “Quando começar o espetáculo, verificar se as Coelhinhas estão reagindo aos artistas. Quando for um show cômico, é esperado delas que riam”. Você poderá estar sendo observada pelo Grande Irmão da Willmark.

Na verdade, as Coelhinhas deverão sempre parecer contentes e satisfeitas (“Pense em algo alegre e engraçado… o produto mais importante que você está vendendo é sua personalidade”) apesar de todas as suas preocupações, incluindo o sistema de deméritos. Cabelos em desalinho, unhas malcuidadas e maquiagem malfeita custam cinco pontos no sistema de avaliação. Assim como chamar um chefe de setor pelo primeiro nome, perder o horário com o maquiador, ou comer na Sala da Coelhinha. Mascar chiclete ou comer durante o expediente valem dez pontos na primeira ofensa, vinte na segunda e demissão na terceira. Quem receber três multas “por não aparecer para o turno e não encontrar substituta” não só será demitida como também entrará na lista negra no caso de uma futura candidatura para os demais clubes da rede. Atrasos na chegada ou após intervalos custam um “demérito” por minuto de atraso, no caso de não seguir as instruções de um chefe de setor, quinze. “O valor em dólar de cada ‘demérito'”, diz a bíblia, “dependerá do gerente geral de cada clube.”

Uma vez que o sistema tiver sido assimilado, há instruções para cada trabalho específico. As Coelhinhas Recepcionistas recebem o cliente e checam seus chaveiros, onde está escrito o tipo de clientes que são; as Coelhinhas Fotógrafas operam as Polaróides; as Coelhinhas Cigarreiras explicam por que um maço de cigarros não pode ser comprado sem um isqueiro Playboy; as Coelhinhas Chapeleiras aprendem o sistema do guardavolumes; as Coelhinhas da Lojinha vendem produtos Playboy; as Coelhinhas da Lojinha Ambulante carregam produtos Playboy em cestas e as Coelhinhas Garçonetes devem decorar treze páginas de drinques.

A sobrevivência de uma Coelhinha depende de outras coisas além de peitos com enchimento.

Nota: A Seção 523 afirma: “Funcionários devem entrar e se divertir como clientes normais se forem convidados de clientes Número Um’. Seriam estes os tais figurões dos quais falara minha maquiadora?

Anúncios

There are no comments on this post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: